Essa seção é dedicada aos praticantes de esportes, sejam eles praticantes de exercícios leves, praticantes regulares de atividades físicas,esportistas amadores ou até mesmo atletas de alto rendimento, que buscam melhora de performance na prática de seus exercícios.
 

Como vimos na página "O Exercício Respiratório e o TMI podem mudar sua vida", sua musculatura inspiratória, como qualquer outra, pode ser treinada, proporcionando qualidade de vida, saúde e ganho de performance física.


Vencida a rotina de treinamento, você perceberá os benefícios do fortalecimento da sua musculatura inspiratória em poucas semanas.

Os praticantes de exercícios leves sentirão menos falta de ar e mais disposição para a pratica de suas atividades.


Os praticantes regulares de exercícios se sentirão menos cansados e perceberão a redução da sensação de esforço durante e logo após seus exercícios


Os atletas perceberão o ganho de performance.


Entenda:
 Ao praticar atividades físicas, nossas células consomem mais oxigênio e produzem mais gás carbônico.


Para eliminarmos esse excesso de CO2, respiramos mais vezes, sobrecarregando o sistema respiratório podendo ocorrer fadiga dos músculos inspiratórios. Vale ressaltar que quanto menos treinados seus músculos inspiratórios forem mais rapidamente poderão se fadigar!


Nesse momento (de exaustão e fadiga muscular), ocorre o disparo de um fenômeno fisiológico chamado metaborreflexo. Que é o comando nervoso para passarmos a diminuir o ritmo dos exercícios até chegarmos no limite do "stress", momento em que somos forçados a parar definitivamente, prejudicando a performance.


Quando a musculatura respiratória passa por um programa de treinamento, torna-se mais forte e resistente à fadiga, retardando o disparo do metaborreflexo e proporcionando ganho de performance!


Diversos estudos mostram a importância do fortalecimento dos músculos da respiração para esportistas. Os esportes mais estudados até o momento foram: Ciclismo,NataçãoCorridaTriatlonFitnessRemoFutebolRugby e Tênis.


Estes estudos (independentes envolvendo o TMI) apresentaram resultados significativos para esportistas profissionais, como por exemplo:
 

  • Melhora geral no desempenho;
  • Redução da sensação de esforço e cansaço;
  • Maior resistência e força dos músculos inspiratórios;
  • Aumento da capacidade de retomada ("sprints").
     

Dessa forma, podemos afirmar que a musculatura respiratória treinada exerce uma influência positiva sobre o desempenho dos exercícios e esportes, por retardar a ocorrência do metaborreflexo.


Apresentando os Seguintes Resultados:Remo: ganho de até 1,9% no tempo de prova (Volianitis et al., 2001)
 

  • Ciclismo: ganho de até 4,6% no tempo de prova (Romer et al., 2002a)
  • Corrida: ganho de até 2,1% no tempo de prova (Edwards et al., 2008)
  • Natação: ganho de até 1,5% no tempo de prova (Kilding et al., 2009)
  • Ganho de 7% na recuperação em sprints repetidos (Romer et al., 2002b)
  • Aumento de 16% na resistência em sprints (Tong et al., 2008)